Tuesday, January 07, 2014

Berlusconi: o amigo Bush, odiado dos anti-americanos e antiamericanismo à italiana

Berlusconi foi muito criticado de certa sinistra italiana por ser amigo de Bush. Não sei se foi causa ou consequência do anti-americanismo no início do século.
Em minha opinião certo anti-americanismo italiano que observei em certos momentos pareceu-me do mais irracional que conheci na história mundial: Itália do após guerra, libertada dos americanos do fascismo, nazismo e comunismo russo ou estilo albanês, chegou a um nível anti-americano pior do Vietnam. 
Seria interessante un estudo da opinião pública e justiça italiana a propósito de Bin Laden, Abu Omar, Baraldini, Battisti, BR, assassinos de Moro, Tobagi, ...
Para mi é impressionante a prioridade a diferença de condenação para Berlusconi e CIA. Parece que tem prioridade a condenar mais os melhores contra a máfia do que os mafiosos, os melhores contra o terrorismo do que os verdadeiros terroristas.   

1 comment:

PiresPortugal Neo-Machiavelli, Serip said...

Não vi nas televisões alemãs nenhuma informação positiva sobre Putin antes dos jogos olímpicos. Só o pior: protestos em Berlin na abertura, pessoas que ficaram sem casas por causa das novas construções, desastre ambiental para as grandes infraestruturas, custos de 10 vezes mais dos jogos olímpicos no Canadá por causa de muita corrupção... Tudo isto será verdade? Ou verdade parcial só do negativo de tudo o que faça Putin porque fez parte da polícia secreta russa na ex-DDR?

USA e ONU são dois exemplos muito diferentes de globalização. Com o contínuo desenvolvimento de Internet e novas tecnologias torna-se cada vez mais urgente um governo, justiça, ética, moral, deontologia, civilidade e boas maneiras de comportamento online e em tudo o que tem mais consequências globais, não tem fronteiras. Mas será melhor o pragmatismo de USA ou burocracias da ONU?